TORRENTE


TORRENTE

Chuva do lado de fora
e só bafo na vidraça,
chuva do lado de dentro
e o olhar que se embaça.

Nada abafa essa torrente
de secretas umidades,
quando o amor se vê doente
Réstia de sol é miragem.

Esther Alcântara

(Foto: Olhares mágicos/Picasa/Google)

Um comentário:

ParadoXos disse...

palavras de ler e trazer um pouco na alma!!

adorei!!